logo
 

Profissionais de saúde propõem medidas para reduzir incidência da sífilis congênita

Melhorar o diagnóstico de sífilis durante a gravidez e garantir o tratamento da gestante e do parceiro foram algumas das medidas propostas por deputados e convidados que participaram da audiência pública realizada pela Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, nesta quarta-feira (24).

Atualmente, no Brasil, a doença atinge cinco a cada 100 mil bebês nascidos vivos por ano. O número de casos dobrou nos últimos dez anos.

A sífilis congênita pode provocar aborto e deixar sequelas como má formação, alterações ósseas, surdez, dificuldade de aprendizagem e lesões neurológicas, entre outras.

A deputada Laura Carneiro (PMDB-RJ) lembrou que a sífilis deixa tantas sequelas quanto a zika, e que sua incidência é ainda maior. Para a deputada, não é possível que o País ainda conviva com esse tipo de doença.

Saiba mais....

http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/SAUDE/535189-PROFISSIONAIS-DE-SAUDE-PROPOEM-MEDIDAS-PARA-REDUZIR-INCIDENCIA-DA-SIFILIS-CONGENITA.html

 

Deixe seu comentário

Banco de leis

Câmara Municipal de Ipueiras

INSTITUCIONAL

FRANCISCO DENIS MORAIS MOURÃO

CNPJ: 02.158.838/0001-33

Rua Cel. Manoel Mourão, S/N - Centro Ipueira

CONTATOS

  Tel: (88) 3685-1000

 camara@camaipueiras.ce.gov.br

 De Segunda a sexta das 07:00hs às 13:00hs

REDE SOCIAL

VÍDEO